A pequena bilíngue confusa

Dia desses, líamos um livro e eu perguntava a Nina onde estava tal imagem. Até que chegamos ao ponto da discórdia.

Ou da concórdia, não sei.

– “Onde está o gato?” E a menina me mostra o gato.

– “Onde está o bolo?” E a menina me mostra o bolo.

Resolvo perguntar em francês – coisa que nunca faço – pra matar minha curiosidade sobre a intimidade dela com a língua de Molière.

– “Onde está o chat (gato)?” E a menina me mostra o gato.

– “Onde está o gâteau (bolo, pronuncia-se GATÔ)” E a menina me mostra o gato.

A diversão tá só começando.

2 comentários em “A pequena bilíngue confusa”

  1. Ana Disse:
    6 de novembro de 2013 às 17:37

    Oi Camila, cheguei no teu blog pelo MMQD. Também sou jornalista e também moro no Canadá! Esse papo de bilinguismo eu adoro! Tô pra escrever um post sobre nossa experiência com bilinguismo faz muito tempo! Adorei teu blog, vou marcar aqui pra visitar sempre.

  2. Camila Disse:
    7 de novembro de 2013 às 15:10

    Oi, Ana, que prazer ter você aqui. Leio seu blog desde antes de vir pro Canadá, como parte da minha “pesquisa” pra conhecer um pouco do país antes de imigrar. Obrigada pela visita, fique à vontade.

Comente